Carta de apoio a Carlos Mariucci para Senador do Paraná pelo PT

Vivemos um momento de muita instabilidade social e econômica, como consequência de um golpe que a cada dia se aprofunda. Ataques aos nossos direitos e à democracia. Um clima destrutivo motiva uma parcela pequena da sociedade com um discurso de apologia ao ódio, à violência e sem qualquer capacidade de análise histórica. Há a defesa da volta do regime militar e canalização de candidatos majoritários e proporcionais ultra conservadores, reacionários e cheios de hipocrisia. No entanto, enxergamos uma outra direita enfraquecida e dividida, mas, com as mesmas propostas liberais. Ambas as parcelas e posições são interfaces do golpe e acompanham o governo ilegítimo, escorando-se nos acordos feitos no Parlamento.

Enquanto Petistas, podemos analisar este cenário como preocupante. Os ataques ao PT e ao Presidente Lula, contudo, acabam por ter uma reação de outra parcela da sociedade. Nas pesquisas, a maioria aparece na defesa do legado que representamos e no apoio à nossa legenda e ao Lula. Preso há quase dois(2) meses, porém, líder absoluto nas pesquisas das eleições de 2018. O próprio Presidente disse no seu discurso em frente ao Sindicato dos
Metalúrgicos do ABC em São Bernardo do Campo no dia de sua prisão: “E o que eles não se dão conta é que, quanto mais eles me atacam, mais cresce a minha relação com o povo brasileiro”.

Faremos uma grande campanha e elegeremos Lula para presidente. Da mesma forma, no Paraná, devemos lutar contra as tradicionais oligarquias, apresentando um novo projeto para o estado, rompendo com interesses de grupos familiares e econômicos, defendendo um programa voltado aos extremos de cada região do estado, desenvolvendo social e economicamente, investindo na nossa indústria e no campo com os pequenos e médios agricultores, fortalecendo nossas empresas públicas e garantindo direitos a população LGBTI, das mulheres, da juventude, do povo negro e quilombola do estado, construindo uma nova cultura política e de gestão participativa.

Para conquistar o apoio social ao nosso programa e candidatos, devemos ampliar nossa relação com o povo. O diálogo amplo e irrestrito é o caminho.

Devemos alcançar cada bairro, periferia, escola, comércio, indústria, igreja e demais instituições de cada município. Precisamos sair de nossa zona de conforto, sedes partidárias, sindicais, gabinetes e outros ambientes para dialogar, diretamente, com os\as trabalhadores\as, estudantes, aposentados\as, sociedade em geral.

Em 2002, Lula, na Carta ao Povo brasileiro descreveu bem o sentimento do povo conosco. Acreditamos que o motivo do nosso crescimento, hoje, em cenário de golpe e de crise, é o mesmo: “A crescente adesão à nossa candidatura assume cada vez mais o caráter de um movimento em defesa do Brasil, de nossos direitos e anseios fundamentais enquanto nação independente.” Por isso, devemos ter dos\as nossos\as candidatos\as, deputados e deputadas, senadores e/ou senadoras e governo do Estado, esta compreensão e disposição. Não devemos limitar o debate com ninguém e a nenhum canto do nosso Estado. Devemos assumir este movimento maior que é a defesa do Brasil.

Com coragem, nós Petistas, precisamos entrar nestas eleições com a defesa de nosso legado de governo, e o acúmulo de um Programa avançado. Devemos defender as revogações da Reforma Trabalhista, da PEC 55, da PLS 131 e barrar qualquer nova tentativa da Reforma da Previdência. Nossa defesa deverá ser a volta de investimentos nos programas sociais, habitacionais e educacionais. Devemos pautar a Reforma das Mídias, a Reforma Agrária e a Reforma Tributária. Devemos denunciar e combater os desmandos e regalias de grande parte do Judiciário. Devemos defender Lula sem recuar, assim como todos nossos presos políticos. Pois, o que está em jogo é a criminalização do PT, a maior ferramenta política da classe trabalhadora.

Muito além das nossas obrigações enquanto PT em defesa do que acreditamos para o Brasil e o Paraná, nossas candidaturas majoritárias têm como tarefa potencializar nossas chapas proporcionais, trazendo legenda e compartilhando o protagonismo com cada candidato e candidata a deputado/a estadual e federal. É fundamental ampliarmos nossas bancadas para que nossos projetos tenham força de serem aprovados e possamos fazer frente à bancada que as parcelas conservadoras pretendem e irão eleger.

Outra reflexão que devemos fazer ao lançarmos nossos candidatos majoritários é de sua representação e diálogo territorial. Precisamos ter como representantes majoritários candidatos que se somem, territorialmente, pelo nosso Estado. Com isso, é imperativo uma candidatura do interior do Paraná.

Outra necessidade do Partido, compreendendo o momento e nossa prioridade eleitoral para a chapa proporcional onde encontra-se a grande maioria já apresentada de nossos quadros e lideranças do Estado, é que os nomes a serem lançados aos cargos majoritários assumam o desafio para o ano de 2018 e também sejam nomes com projeção e fortalecimento de um projeto a curto, médio e longo prazo para o PT. Devemos ter um olhar estratégico para o Partido no fortalecimento de novos quadros com condição de serem nomes no futuro para grandes prefeituras do nosso Estado bem como se relacionar com centenas de outras cidades e candidaturas para 2020.

E por atender a estes critérios, de diálogo amplo e irrestrito para fora do Partido; a defesa do nosso legado, do nosso Programa e do Presidente Lula; do enfrentamento ao conservadorismo e ao discurso reacionário; da atenção e prioridade para nossa chapa proporcional; a representatividade territorial do nosso Estado; a formulação de um projeto estratégico com a campanha, pensando 2020 e o fortalecimento do nosso Partido a longo prazo, ampliando nossa organização para fora e a disputa da sociedade, apoiamos o nome do companheiro Carlos Mariucci, de Maringá, para Senador da República.

Mariucci está em seu segundo Mandato de Vereador na cidade de Maringá, norte do Paraná. Essa cidade é de fundamental importância para o Estado e tem população com mais de quatrocentos (400) mil habitantes. O companheiro, para além da necessária representação do interior, é Presidente do PT do município de Maringá e acumula um grande trabalho de base social em toda sua trajetória. No último período como Vereador, foi protagonista de inúmeros
enfrentamentos, seja como oposição, seja proponente de projetos de relevância para Maringá e região, além de ser alvo de ataques de grupos de direita e sempre sair na defesa firme do PT. Mariucci é pedagogo, artista plástico e joalheiro de profissão. Sua formação humana e política é ligada às pastorais de base da Igreja Católica e é uma liderança nacional das entidades sociais correlatas.

Acreditamos que o perfil do companheiro Carlos Mariucci é o melhor para o momento. Temos a certeza de sua energia para fazer campanha em cada canto do nosso Estado na defesa de tudo o que representamos, na defesa e na campanha do Presidente Lula, do nosso candidato a governador Dr. Rosinha e com a postura de diálogo com toda a sociedade paranaense, agregando apoios e nos fortalecendo enquanto Partido.

Nesta compreensão, assinamos a indicação e o apoio de Carlos Mariucci para
candidato a Senador do Paraná pelo PT.

Assinam:
• Enio Verri – Deputado Federal/ Maringá
• Marcia Lopes – Ex-Ministra de Des. Social e Combate a Fome/ PT Londrina
• Tarcisio Marques dos Reis – Prefeito/ Paiçandu
• Laercio de Freitas – Prefeito/ Paraíso do Norte
• Augusto Aparecido Cicatto – Prefeito/ Ariranha do Ivaí
• Leurides Sampaio Ferreira Navarro – Prefeita/ Paranapoema
• Daniel Domingos Pereira – Prefeito/ Diamante do Norte
• Arilson Chiorato – Vice Presidente do PT Paraná/ Apucarana
• Victória Corrêa – Executiva Estadual PT Paraná/ JPT/ PT Londrina
• Carlos Emar Mariucci Júnior – Diretório Estadual PT Paraná/ Coord. JCNB
Nacional
• Vera Pedroso – Diretório Estadual PT Paraná/ Executiva PT Maringá/ CUT
noroeste/ Presidenta Sindaem
• Josias Gonçalves – Diretório Estadual PT Paraná
• Denise Soares – Diretório Estadual PT Paraná/ JPT/ PT Londrina
• Francisco Moreno – Diretório Estadual PT Paraná/ PT Londrina
• Elio Marques da Silva – Diretório Estadual PT Paraná/ PT Paranacity
• André Alliana – Diretório Estadual PT Paraná/ PT Foz do Iguaçu
• Margot Jung – Secretária Estadual LGBT Paraná/ Executiva PT Maringá
• Ana Marta Aparecida Salomão – Vice Prefeita Terra Rica
• Roberto Mitsuru Tsunokawa – Vice Prefeito/ Nova Londrina
• Jurandir Alves Contro (Bida) – Vice Prefeito/ São Carlos do Ivaí
• Mario Verri – Vereador/ Maringá
• Newton Almeida – PT Maringá
• Humberto Boaventura – Executiva PT Maringá
• Erivelto Prudencio – Executiva PT Maringá
• Telma Maranho – Executiva PT Maringá
• Iraídes Baptistone – PT Maringá/ Presidenta Sismmar
• Tereza Pauliqui – PT Maringá
• Jocelino Tavares – Vereador/ Mandaguari
• Marcia Serafine – Vereadora/ Mandaguari
• Jonathan Osvald – Presidente PT Mandaguari
• Tais Rafaela Bueno – Presidenta PT Apucarana
• Antônio Bezerra da Silva (Bila) – Vereador/ Ourizona
• Adenilson Maroldi – Vereador/ Ourizona
• Leonardo Jurkeveicz Júnior – Presidente PT Ourizona
• Odarlone Orente – Presidente PT Londrina
• Lênir de Assis – PT Londrina
• Olivan Tresse – PT Londrina
• Dirceu Quinelato – PT Londrina/ Sindicato Bancários Londrina
• João Antônio da Silva Neto – PT Londrina/ Sindicato Bancários Londrina
• Valdemir Bibiano do Prado (Negão) – PT Londrina/ Sindicato Bancários
Londrina
• Carlos Roberto Scalassara – PT Londrina
• Alfredo Flores – Vereador/ Jardim Alegre
• Cyro Fernandes Correa Júnior – Ex Prefeito de Ivaiporã
• Valdecir Raimundo (Barraca) – Sec. Prefeitura Municipal Paranacity/ PT
Paranacity
• Vanderley Schmidt – Vereador Santa Mônica
• José Rodrigues da Silva (Formigão) – Vereador Santa Mônica
• Ademir Romero – Vereador/ Terra Boa
• Mario Lima – Presidente PT Campo Mourão
• Wesley Rossi – Vereador/ Paiçandu
• Amanda Mantovani – PT Maringá/ Coletivo Estadual de Mulheres/ Executiva
Estadual JPT
• Jorge Sonda – PT Cascavel
• Jarbas Fardim – Presidente PT São Jorge do Ivaí
• Aerton José Gouveia Junior – Secretário ind comércio Pref. Sabaudia/ PT
Sabaudia
• Mauro Marinho de Paula – PT Novo Itacolomi
• Ney Leão Coelho – Presidente PT Quinta do Sol
• Valdecir Ribeiro – Vereador/ Quinta do Sol
• Rogério Wagner Dariva – PT Lunardelli
• Vanilda Maria Peres – PT Cambira
• Maycon Alessandro Landgraff – Presidente PT Califórnia
• Sovelte Cardoso – Vereador/ Godoy Moreira
• Damiao Rodrigues – PT Marumbi
• Edilene Mantovaneli Rodrigues – PT Marumbi
• José Roberto Vares – PT Marialva
• Ilma Luzia da Silva – PT Marialva
• Decival de Souza – PT Ivaiporã
• Roberto Brasileiro – PT Jandaia do Sul
• Silvanir Pereira Egino Fedrigo – PT Floresta
• Carlos Zampar – Ex Prefeito Itambé/ PT Itambé
• Rodrigo Donato – Presidente PT Cambira/ JPT
• Nilton de Paula – PT Mandaguari
– Elza Mariucci – PT Maringá
– Guilherme Mariucci – PT Maringá
– Ana Claudia Reausing – PT Maringá
Jaqueline Marques da Silva – PT Maringá
– Sonia Versari – PT Maringá
– Jose Maria Ribeiro – PT Maringá
– João Almeida Sanches – PT Maringá