Caminhada com Fernando Haddad mobiliza a Avenida Paulista

Depois do encontro com o povo baiano em Jequié e Vitória da Conquista, foi a vez dos paulistanos acompanharem Fernando Haddad neste domingo (16), em caminhada pela Avenida Paulista.

Foram muitos pedidos de selfie, mensagens de apoio, e empurra-empurra para chegar perto do candidato de Lula. Os candidatos ao senado Eduardo Suplicy e Jilmar Tatto também participarem do ato.

O ex-prefeito foi recebido por dezenas de pessoas ainda na chegada, pela Alameda Santos. De lá, ele encontrou os manifestantes que o aguardavam vão do Masp. A música ficou por conta do bloco Tô com Lula, formada pela juventude de movimentos sociais e dos partidos da coligação “Povo Feliz de Novo”.

Após uma breve entrevista à imprensa, Haddad seguiu pela avenida sob gritos de ‘Brasil, Urgente. Haddad Presidente’ e coro pela liberdade de Lula. Ele chamou atenção ao parecer do Comitê de Diretos Humanos da ONU sobre o caso do ex-presidente. “A ONU está pedindo julgamento justo para Lula. E se a ONU está pedindo, deve haver boa razão. Os vícios do processo chamaram a atenção de chefes de estado do mundo inteiro”, disse.

Centenas de pessoas acompanharam o cortejo até a dispersão próximo ao túnel que dá acesso às avenidas Rebouças e Dr. Arnaldo.

A abertura da avenida aos domingos, vale lembrar, é obra da gestão Haddad na prefeitura de São Paulo e se provou um absoluto sucesso: mais de 100 mil pessoas circulam pela via aos domingos e feriados. Também é fruto do trabalho do PT a ciclovia de mão dupla que corta a avenida de ponta a ponta.

Da Redação Agência PT de Notícias